Esquentar comida em potes de plástico pode causar problema hormonal

Postado por Equipe Pequeno Gourmet

Cuidado, mães! O plástico não faz só mal para o meio ambiente, mas para as pessoas também! Imagina então para as crianças? Estudos feitos pela Equipe da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP), indica que, o calor dos alimentos e as vibrações do micro-ondas podem contribuir para que alguns dos componentes dos recipientes plásticos sejam liberados na comida. Isso porque a quantidade de moléculas que podem passar do plástico para os alimentos é, a princípio, pequena, portanto não provoca um caso de toxicidade aguda, mas a longo prazo pode causar problemas, como a desregulação do sistema hormonal e o aparecimento de doenças metabólicas.

Os componentes do mal

Por conta disso, surgiram as embalagens e recipientes plástico livres de BPA (Bisphenol A), o componente que seria responsável pelos malefícios citados acima. Para comprovar a veracidade dessa informação, diversas universidades e seus cientistas iniciaram estudos para ver se era só o BPA mesmo o culpado ou se outras moléculas também seria nocivas. Os resultados de pesquisas exclusivas feitas separadamente pelas Universidades do Texas, de Cincinatti, de Calgary e de Galveston encontraram partículas oriundas de plástico na urina das pessoas que utilizavam o plástico sem BPA. Eles sugerem que há outras moléculas, como o BPS e BPF, que também são perigosas. Confira informações sobre o estudo em matéria da Scientific American .

Então, na dúvida, que tal conservar/congelar a comida do filhote em recipientes de vidro ou de cerâmica? Daí, mesmo na correria, dá pra colocar no micro, aquecer, e ter certeza de que o pequeno está livre de plástico!

Você também vai gostar de:

16 Alimentos que crianças até dois anos de idade não devem ingerir

5 nutrientes que não podem faltar na alimentação das crianças

Dia Mundial da Saúde 2016: OMS convoca ação global para derrotar o diabetes

iconComentários

Imagine receber toda semana uma coletânea dos posts mais legais do Pequeno Gourmet.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER