Quando a lista de compras ajuda a economizar

Postado por Equipe Pequeno Gourmet

Arroz, feijão, leite, frutas, legumes, sabão em pó… Será que você consegue lembrar de tudo que precisa na hora da compra? Para não esquecer de nada, vale aquela velha dica de montar uma listinha antes de sair de casa. E esse papelzinho também pode ser poderoso quando o assunto é economizar. Foi o que o Pequeno Gourmet descobriu conversando com o professor de economia do Centro Universitário Estácio (BH), Alessandro Patto, no terceiro episódio da série “Calculando Saúde”.

Como montar sua lista de compras

Só o que precisa: comece fazendo uma lista bem detalhada com os produtos que você costuma consumir em casa e são de primeira necessidade. Isso fará com que você tenha o foco e não saia comprando coisas desnecessárias que só aumentam a conta final.

Divida bem: crie categorias na sua listinha, como grãos, farinhas, alimentos frescos, produtos de limpeza, higiene pessoal. Essa organização facilita bastante e também economiza o tempo gasto no supermercado (dá para pegar tudo de uma vez em um setor só).

Renove sempre que for necessário: é legal que você tenha uma lista fixa para todos os meses, com necessidades que não mudam, como higiene pessoal ou material de limpeza. É aniversário de alguém, Natal ou você vai fazer uma festa especial? Acrescente os produtos a mais no final das anotações.

Nenhum a mais: um dos erros na hora da compra é querer estocar produtos. Compre só aquilo que vai consumir ao longo do mês. Além de evitar o desperdício, isso também contribui para o seu bolso. Nosso país está em um momento de deflação, em que a oferta (o que tem para vender) é maior do que a demanda (procura), e isso faz com que os preços baixem com o passar do tempo. Por isso, pode acontecer de o pacote de arroz que você comprou hoje ser mais barato na próxima semana.

Nenhum a menos: também não adianta querer economizar na conta final comprando dois pacotes de papel higiênico, sabendo que você precisa de quatro ao longo do mês. O produto vai acabar e você terá que sair correndo para qualquer supermercado, podendo pagar mais e gastando o seu tempo, que também vale dinheiro.

Comparar os preços no supermercado sempre vale a pena

Depois de montar sua listinha de compras, não se esqueça de comparar os preços. Com todos os produtos de que precisa em mãos, isso fica mais fácil. Você pode dar uma olhada nos valores dos produtos nos supermercados que já está acostumada a frequentar, fazer uma pesquisa na internet ou usar aplicativos (alguns ajudam você na hora de ver o que falta na dispensa ou oferecem desconto nos supermercados). E lembre-se sempre de que o melhor é fazer um balanço entre o menor custo (preços baixos) e o maior benefício (qualidade do produto).

Veja mais:

Como economizar no supermercado e fugir das armadilhas

Comprar orgânicos na feira é um ótimo programa

O passeio predileto

 

*O Pequeno Gourmet recomenda a consulta de um profissional especializado em caso de dúvida quanto a qualquer informação disponível no Portal

Imagine receber toda semana uma coletânea dos posts mais legais do Pequeno Gourmet.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER