Você sabia? Sua alimentação na gravidez pode alterar o DNA do bebê

Postado por Mamãe

Segundo este artigo da revista Pais & Filhos, “um estudo publicado recentemente na revista científica Genome Biology revelou que hábitos alimentares ruins podem modificar o DNA do bebê pelo resto da vida.”

Um alerta para as mamães que comem por dois durante a gestação e que se equivocam imaginando que a preocupação com o que o filho ingere começa na introdução alimentar.

É importante a gestante manter ” uma dieta rica em proteínas magras, como peixes e aves, e com poucos carboidratos refinados principalmente no primeiro trimestre vão gerar crianças com menor risco de trabalho de parto prematuro, baixo peso ao nascimento e suas complicações”.

Também, não se pode deixar de consumir verduras verde escuras, fontes de vitamina do complexo B. E tampouco, alimentos ricos em ômega 3, como por exemplo, salmão, chia, linhaça e castanhas. Já ovos e peixes possuem vitamina D, que auxilia desenvolvimento dos ossos e funcionamento do sistema imunológico. Assim como a vitamina C, bastante presente nas frutas.

Podemos e devemos fazer a diferença na saúde dos nossos filhotes!!!

 

iconComentários

Imagine receber toda semana uma coletânea dos posts mais legais do Pequeno Gourmet.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER