Alimentação vegetariana nas escolas

Postado por Mamãe

Lá em Portugal, em uma cidadezinha chamada Monchique, na região de Serra Algarvia, a câmara municipal decidiu tomar uma atitude muito positiva para as crianças e para os pais que se importam e cuidam da alimentação dos filhos, assim como o Pequeno Gourmet. Para promover hábitos saudáveis, duas vezes ao mês, o governo oferece merenda vegetariana nas escolas do ensino pré-escolar e do ensino básico. A coordenadora do departamento de Higiene e Segurança Alimentar, Ana Silva, disse que o objetivo principal do projeto é sensibilizar as crianças para as qualidades e vantagens de uma alimentação equilibrada, do ponto de vista nutricional, no sentido de criar hábitos saudáveis por meio de novos paladares. Quem bom se todas as escolas começassem a tomar essa iniciativa, não? E nós do Pequeno Gourmet temos uma parceira que faz exatamente isso: a Dra. Roberta Thawana oferece assessoria completa para escolas que desejam investir na alimentação dos alunos. O “Projeto Saúde na Escola” disponibiliza palestras semestrais, artigos e informativos da escola, além de avaliação nutricional, ao custo de R$35,00/criança, com aferição de peso e altura colocando-as nas curvas de crescimento da Organização Mundial de Saúde. Os pais recebem uma carta com a avaliação dos filhos, o posicionamento deles nas curvas e orientações nutricionais importantes para o desenvolvimento adequado. Além disso, a criançada pode participar de oficinas culinárias infantis com, no máximo, 8 alunos e os pais podem fazer parte do clube de assinaturas de lanches para uma lancheira saudável. Conheça mais sobre o trabalho dela em https://www.instagram.com/comendobem_quemaltem/.

Você também vai gostar de:

Torta de liquidificador de legumes e cogumelos

Leite materno “temperado” ajuda na formação do paladar do bebê

Risoto de abóbora com molho pesto   

iconComentários

Imagine receber toda semana uma coletânea dos posts mais legais do Pequeno Gourmet.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER